El Cruce Columbia celebra seus 15 anos ininterruptos com novos desafios e mudanças

Por Redação - 14 Jan 2016 - 16h03
Trail Running

O El Cruce Columbia celebra seus 15 anos ininterruptos com um novo desafio e grandes mudanças. A corrida receberá 3.000 participantes vindos de 33 paises com o objetivo de unir a Argentina e o Chile através da Cordilheira dos Andes. Como novidade, as categorias Team e Solo terão a companhia da Solo Amador; ao mesmo tempo o novo Programa de Voluntários propõe viver experiências inesqueciveis e reune colaboradores de todas as partes do mundo.

El Cruce Columbia chega em sua 15ª edição

Quando as corridas fora do asfalto começaram a destacar-se mundialmente, Sebastián Tagle - diretor do Club de Corredores - teve uma visão: utilizar o vasto e diversificado território argentina como cenário de nível internacional para as corridas. Assim nasceu o El Cruce Columbia, a corrida de montanha mais importante da América do Sul, onde corredores de todo o mundo se põe à prova para superar a si mesmos, em plena Patagonia.

O percurso de 100 quilômetros dividido em 3 etapas terá como base a cidade de San Martin de los Andes e o novo percurso inclui todas as particularidades de uma corrida de trail running, com trilhas de montanha que atravessam cristas desafiantes, lagos, montanhas de altura considerável e partes técnicas com grandes desníveis. Tudo isso entre majestosas paisagens patagônicas, em sua maioria inacessível pelo turismo tradicional.

A passagem para ingressar no Chile será a Hua-Hum, dentro do Parque Nacional Lanin, e cada uma das três etapas finalizará em um acampamento em plena montanha, às margens de lagos, praias paradisíacas e cozinha de campanha para todos os participantes. A tudo isso se soma um grande clima de companheirismo que todos os corredores desfrutam e vivem a cada noite.

As categorias Solo, Solo Amador e Team correrão em dias diferentes, mas terão os mesmos percursos, distâncias e acampamentos. Essa mudança foi feita para que os participantes possam correr mais tranquilos pelas trilhas e também desfrutar de um serviço de excelência em cada acampamento. Assim mesmo, devido ao grande crescimento do El Cruce nos últimos anos, este ano está sendo implementado o Programa de Voluntariado, onde mais de 300 novos colaboradores vindos de todo o país e do mundo se somarão aos existentes 800 integrantes do staff do Club de Corredores, com o objetivo de melhorar o serviço oferecido.

Falando dos participantes, além de renomados atletas locais - enque os quais se destacam Pablo Ureta, Gustavo Reyes e Roxana del Cid - de outras partes do mundo chegam renomados atletas de elite:

Da França:
- Francois D'Haene, ganhador da Ultra Trail du Mont Blanc e campeão da Ultra-Trail World Tour 2014;
- Sebastien Cornette, ganhador da Courchevel X-Trail, Trail de Mirmande e Trail des Coursières;
- Anthony Gay, ganhador da Interlac e terceiro colocado da CCC 2014.

Da España, a experiênte corredora Ohiana Kortazar - ganhadora do El Cruce 2013 - estará de volta; assim como Marco De Gasperi, italiano ganhador da edição 2014.

Patagônia é a paisagem de fundo da maior corrida de montanha da América do Sul
Serviço
El Cruce Columbia 2016
11.02.2016
San Martín de los Andes ()
www.elcrucecolumbia.com
Redação
Por Redação
14 Jan 2016 - 16h03 | geral | Trail Running
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
Cadastro
Cadastre seu email e receba as noticias automaticamente no seu email diariamente