Pablo Bucciarelli vence o Brou Aventuras Araçaí

Por Wladimir Togumi - 02 Mai 2011 - 23h49

A disputa na primeira etapa do Circuito Brou Aventuras, realizada em Araçaí, foi acirrada. A orientação com o mapa na escala da 1:100.000 exigiu atenção dos navegadores e foi um dos fatores que definiu a classificação final.

Logo após a largada os participantes tiveram que optar entre buscar dois PC’s que dariam 1h30 de bônus ou seguir direto para o PC2. A maioria optou por se garantir com o bônus, mas a orientação exigente acabou dispersando o grupo. Frederico Pantani foi um dos poucos atletas que apostaram em pedalar forte para compensar o bônus e assinou a planilha na primeira colocação na categoria Solo, junto com a dupla Advogado Aventureiro.

Pablo Bucciarelli

Sua estratégia era não perder tempo com os PC’s bônus e ganhar terreno para chegar na última seção da corrida, de trekking e com orientação ainda mais exigente, com alguma luz do dia, mas um erro de navegação o tirou da disputa pelo primeiro lugar.

Quem disparou na frente foi o atleta Humberto Couto, que 15 dias atrás completava o Ecomotion Pro com a equipe Água Mineral Viva /Absoluta. Aliás, a prova contou com mais presenças de participantes da corrida na Bahia: Vital Rocha e André Senna (Sempre Viva), Ézio Rubbioli (Trotamundo) e Matheus Madureira (Lagartixa).

Matheus estava bem fisicamente mas um defeito mecânico o tirou da disputa logo no começo da corrida. O cubo da roda traseira quebrou nos primeiros quilômetros e obrigou o atleta a retornar para o local da largada, onde conseguiu outra roda emprestada e voltar para a corrida, mas a ansiedade de recuperar o tempo perdido o fez cometer diversos erros e não conseguir pelo horário de corte.

Enquanto isso o paulista Pablo Bucciarelli fazia sua corrida de recuperação e diminuía a diferença a cada quilômetro percorrido e conseguiu alcançar Humberto quase no final da corrida. "Cheguei a pensar em parar devido à dificuldade que me encontrava no PC 6, quando tive que retornar para buscar o PC depois de errar um trecho de trilha. Quando passei no fiscal do PC estava há 2 horas do líder. O calor e uma dor de garganta jogaram contra meu psicológico, mas resolvi tentar um rota alternativa, correndo ao máximo, e pensando em apenas diminuir a vantagem, pois ainda faltaria um trecho final desse trekking, mais 25 km de mountain biking e o trekking final noturno de 10 km. Deu certo, foi um final de prova feliz e recheado de emoção", disse Pablo, que foi campeão Solo e também na classificação geral.

E mudanças também aconteceram na categoria Dupla Masculina. A Advogado Aventureiro foi a primeira a retornar do trekking noturno mas os atletas não conseguiram encontrar dois dos três postos de controle da seção, deixando a vitória para os goianos da Leões de Judá.

Mas não só o mapa e a navegação dificultaram a vida dos competidores. A indicação de um caminho mais curto para o PC9 custou caro para muitos competidores, porque eles chegavam no local certo mas o atalho os tirava do PC8, obrigando-os a retornar, enquanto que o caminho mais longo - aproximadamente o dobro da distância - o deixava no meio do caminho.

Veja abaixo a classificação parcial:

Categoria Expedição
Quarteto Misto 
1 - Azimute (RJ)

Dupla Masculina
1 - Leões de Judá (GO)
2 - Quimera
3 - Sempre Viva

Dupla Mista
1 - Trotamundo

Solo
1 - Pablo Bucciarelli - Ativo.com 
2 - Humberto Couto - Absoluta/Agua Viva
3 - Frederico Pantani - Yaks

Categoria Iniciantes 
Dupla Mista

1 - Planetaventuras/Quimera
2 - Brutinhos da Brou
3 - Camelos

Dupla Masculina 
1 - Eu vou com Advogado Aventureiro 
2 - Capitão do Mato
3 - Mangaba

Mais informações: www.brouaventuras.com.br

Wladimir Togumi
Por Wladimir Togumi
02 Mai 2011 - 23h49 | sudeste |
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
Cadastro
Cadastre seu email e receba as noticias automaticamente no seu email diariamente