Destaques Trail Run

Entrevista com Jonathan Wyatt, presidente da WMRA

Por Sergio Garasa Mayayo em 5 dezembro 2019

Jonathan Wyatt é um corredor de montanha bastante experiente e de sucesso, fazendo parte da equipe Salomon, e hoje é presidente da WMRA – World Mountain Running Association.

Nesta entrevista feita por Sergio Mayayo durante a Lavaredo Ultra-Trail (e reproduzido com sua autorização), Wyatt fala um pouco sobre a associação e os projetos futuros.


Como é estar de volta à Lavaredo Ultra Trail mas do outro, como presidente da WMRA e não como corredor?

Com certeza é uma grande mudança. Quando você é atleta, é mais fácil, muito mais fácil de criticar e fácil de dizer o quanto você sabe que as coisas poderiam ser melhores. Mas sempre soube que se você quer falar coisas como essas, precisa ter a experiência de ambas posições para ser justo.

Tive tantos anos bons correndo que pensei que estar do outro lado do número de peito seria ao menos algo que deveria dar de volta ao esporte. Tentar e ajudar no desenvolvimento e encorajar as pessoas à fazer algo que gostei muito de fazer durante tantos anos.

Jonathan Wyatt-WMRA, Alessio Punzi-IAAF e Michel Poletti-ITRA em Chamonix 2018. (C) IAAF

Ser presidente da WMRA é um trabalho voluntário, sem salários. Sabemos que a WMRA é uma entidade pioneira no esporte, realizando o primeiro mundial de montanha em 1984. Além de ter lançado a primeira World Cup 21 anos atrás. O que aconteceu nesses 34 anos que fez a WMRA diferente das outras associações que surgiram?

Nossa associação foi realmente a Federação pioneira nas corridas off-road e desde o começo a WMRA trabalhou junto à IAAF e o mundo de corridas. Uma herança que continuamos a manter durante esses anos.

Agora em 2019, ao realizar do World Championships, teremos atletas vindos de federações de todo o mundo para representar o seu país… e esse é um ponto importante em relação à associação das corridas de montanha.

Nos últimos 10 anos e antes de eu me envolver, o trail running cresceu bastante e podemos ver que mundialmente o esporte se desenvolveu. Para mim, como presidente da WMRA, sei que a corrida de montanha precisa se engajar com mais pessoas que queiram experimentar o esporte pela primeira vez e realmente fazer parte do desenvolvimento do esporte em geral.

O que você pode dizer do futuro da corrida de montanha?

O período 2019-2021 será uma transição para a corrida de montanha e acho super importante que saibamos trabalhar as diferentes disciplinas e seções do esporte. Em 2021 realizaremos o primeiro combinado “Mountain & Trail Running World Championships” sob a tutela da IAAF.

Antes disso, em 2020, continuaremos a realizar a WMRA Championships, como uma transição para criar algo melhor depois e então tentar trazer os melhores atletas juntos em um campeonato único e sabermos quem realmente é campeão mundial.

Algum outro serviço que a WMRA esteja considerando agora para os atletas?

Devo citar a categoria Masters, porque essa é outra área que estamos trabalhando bastante, tentando encorajar corredores veteranos e ter um evento totalmente dedicado a eles. Para isso, todo anos fazemos o Masters Championships.

Na outra ponta, para os adolescente, temos o Sub18 Championship, que é um corrida para desenvolver novos talentos no esporte.