Clima ruim obriga cancelamento da adidas INFINITE TRAILS World Championships 2018

Por Trail Running Brasil - 29 Jun 2018 - 08h37
Trail Running
Infelizmente após diversos atrasos e muita deliberação pela comissão de segurança da corrida, a adidas INFINITE TRAILS World Championships 2018 foi cancelada devido às condições climáticas no percurso. O patrocinador, parceiros e atletas ficaram desapontados, mas a decisão foi unânime com prioridade na segurança. A temperatura de -4ºC e a neve forçaram o cancelamento da corrida inaugural em revezamento.

Enquanto todos aguardavam na esperança de boas notícias, o diretor de prova Mike Hamel pegou o microfone para fazer o triste pronunciamento. "Infelizmente temos que anunciar que a adidas INFINITE TRAILS World Championships está sendo cancelada devido às condições climáticas extremas. Com circustâncias além do nosso controle e pensando na segurança de cada corredor, staff e voluntários, não podemos ir adiante com a corrida", ele disse com lágrimas nos olhos.

"Estamos profundamente chateados e esperamos que todos os envolvidos entendam a situação. Um muito obrigado a todos da nossa equipe e parceiros que se esforçaram ao máximo e especialmente à nossa equipe de segurança e resgate e staffs que trabalharam a noite toda na situação que infelizmente não teve uma resposta positiva."

"Esperamos que vocês estejam conosco ano que vem para o adidas INFINITE TRAILS World Championships 2019. Nosso patrocinador principal oferece a todos os participantes deste ano a inscrição grátis no próximo verão."

 

Diretor de prova Mike Hamel comunica o cancelamento da prova. Foto: Christian Waldegger

Era possível ver a emoção no local que seria a largada e algumas lágrimas escorriam dos rostos. A decepção ecoava pela multidão reunida na Alpen Arena e em meio a ela, Robert Mücke, Senior Sports- Marketing Manager Global adidas Outdoor, dirigia-se às pessoas para tentar expressar os sentimentos do patrocinador. Mais tarde ele falou sobre a dificil decisão:

"Estivemos conversando desde a meia-noite, seguindo a previsão do tempo minuto a minuto e recebendo informações de nossos contatos no topo das montanhas. Havia uma pequena chance do clima melhorar, mas infelizmente ficou pior e nos forçou a atrasar a largada por algumas horas. Ainda tínhamos esperança de largar e infelizmente não deu certo. Os especialistas nas montanhas tomaram a decisão. Não foi um sensação muito boa e não foi uma decisão que queríamos ter tomado, mas as pessoas nas montanhas acharam melhor. -4ºC e clima ruim não são condições em que colocariamos nossos voluntários para trabalhar, mesmo que a quiséssemos que a corrida acontecesse - e a segurança dos corredores poderia ser comprometida. Espero que os atletas entendam e saibam que fizemos o possível. Acho que com a infraestrutura aqui em Gastein teríamos oportunidades de planos B, C, D, etc, mas nenhuma delas não foi possível com as informações que recebemos de nossos apoios do alto. Faremos tudo que pudermos para entregar a melhor corrida possível em 2019 e esperamos que vocês aproveitem seu tempo em Gastein/ SalzburgerLand.”

Largada do prólogo. Foto: Damiano Benedetto

As condições "de verão" no topo das montanhas é dificil de ser imaginada para os não acostumados com a região alpina. Até mesmo os moradores locais acharam que a corrida deveria ser cancelada.

"Passei a noite em uma cabana próxima ao Reedsee para ver os primeiros colocados e a manhã estava muito gelada, com muito vento e com uma neblina espessa. Tive que descer com a mãos e joelhos no chão para conseguir voltar para o centro. Acho que foi a melhor decisão", disse Manu Maktl, fotógrafo local, ao retornar para Bad Hofgastein.

Os atletas tiveram sensações diferentes sobre o assunto e apesar de chateados, entenderam que a segurança deve ser a prioridade. "

Apesar de querermos discordar, temos que respeitar a decisão do diretor de prova," disse Cordis Hall da equipe equipe 'aIT Multi Mix', segunda colocada no prólogo da sexta feira. "Investimos muito nisso e estávamos todos empolgados que nos deixou tristes em saber que a corrida não aconteceria. Mas estamos empolgados para 2019 e esperamos que o percurso seja exatamente o mesmo."

Timothy Olson no prólogo. Foto: Damiano Benedetto

"E agora, como vou queimar toda a comida que comi neste final de semana?! Estou profundamente desapontado, mas imagino que a decisão não foi fácil", disse a simpática Ellie Lacey da  ‘Team Blacks’.

As nuvens negras e a chuva constante, havia uma aura de aceitação entre os corredores. O evento acontecerá de 28 a 30 de junho de 2019, novamente em Gastein/SalzburgerLand. Prólogo Na sexta-feira anterior à prova aconteceu o prólogo, que teve o percurso encurtado também devido ao clima. A prova definiu vencedores e individuais e em equipe, sendo que neste último caso o grupo a ser "batido" era formado por Timothy Olson, Dmitry Miyaev e Luis Alberto Hernando.

 

foto: Michael Baierl

Masculino
1. Martin Dematteis (ITA)
2. Joshua Eberly (USA – adidas INFINITE TRAILS Global East&West)
3. Lucas Bögl (GER – DSV-Team)
4. Werner Marti (SUI – adidas INFINITE TRAILS Multi Mix)
5. Luis Alberto Hernando (ESP – adidas INFINITE TRAILS)
6. Dimitrii Mitiaev (RUS – adidas INFINITE TRAILS)
7. Jonas Dobler (GER – DSV-Team)

Feminino
1. Michelle Maier (GER – adidas INFINITE TRAILS Global)
2. Alexandra Hauser (AUT – adidas INFINITE TRAILS Global)
3. Lu Yang Chan (CHN – ADIDAS China)
4. Veronika Mayerhofer (AUT – Team Dynafit)
5. Monique Siegel (GER)
6. Abby Mitchell (USA – adidas INFINITE TRAILS Gails Gone Wild)
7. Ekaterina Mityaeva (RUS – adidas INFINITE TRAILS Global)

Servi├žo
adidas Infinite Trails World Championships 2018
22.06.2018
Trail Running Brasil
Por Trail Running Brasil
29 Jun 2018 - 08h37 | geral | Trail Running
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
Cadastro
Cadastre seu email e receba as noticias automaticamente no seu email diariamente