segunda-feira, agosto 8

Strava lança iniciativa global em incentivo ao esporte feminino

O Strava lançou nesta semana a sua campanha Strive for More™, uma iniciativa para promover a inclusão feminina nos esportes. O lançamento ocorre dias antes do início do Tour de France Femme avec Zwift, do qual o Strava é parceiro oficial, e terá eventos em São Paulo.

Nesse novo movimento, Strava está convocando atletas, fãs e organizações na busca por mais oportunidades e equidade nos esportes femininos em um momento em que as profissionais estão lutando para se manter nas competições. Muitas mulheres que competem em nível profissional possuem um outro emprego. De acordo com dados da The Cyclists Alliance’s 2022 Rider Survey, 65% das ciclistas da Equipe Continental estão trabalhando em um segundo emprego, contra apenas 25% dos ciclistas do World Tour Riders.

No domingo, dia 24, quando o Tour de Femmes terá sua largada em Paris, três eventos simultâneos liderados por mulheres e clubes de ciclismo acontecerão em São Paulo. Fuga, Lulu5, Polegatch Ride e a triatleta e influenciadora Luciana Haddad comandarão pedais que serão seguidos por momentos de confraternização assistindo a etapa feminina do Tour.

“Essa é uma oportunidade para mostrarmos a força das mulheres no esporte profissional e pressionarmos por mais inclusão e oportunidades. A iniciativa Strive for More™ terá um impacto direto na carreira das atletas, com o objetivo final de criar mudanças a longo prazo que terão impactos além da prova deste ano”, afirma Rosana Fortes.

No ano em que marca o retorno do o Tour de France Femmes avec Zwift após 33 anos, Strava assume um compromisso para desenvolver e apoiar as operações da The Cyclists Alliance, uma fundação global que fornece apoio às ciclistas profissionais durante e após suas carreiras.

“Este apoio nos ajuda a amplificar a voz das atletas para coletivamente elevar os padrões para todas as mulheres no ciclismo”, disse Iris Slappendel, Diretora Executiva da The Cyclists Alliance (TCA). “Temos a oportunidade de revolucionar a representação que oferecemos e dar a chance de tornar os sonhos de nossos membros uma realidade. Essas parcerias permitem que a TCA continue a defender um ambiente de trabalho seguro com direitos iguais, oportunidades e remuneração – como o único sindicato independente que representa mais de 220 ciclistas”.

O Strava também se uniu a atletas notáveis como Marianne Martin, a primeira americana a vencer o Tour de France, as ciclistas Ayesha McGowan, Lizzie Deignan e Anna van der Bergen, para mostrar seu apoio às mulheres profissionais em todos os esportes com o manifesto de Strive for More™. Cada assinatura do documento mostra às atletas femininas a importância de seu lugar na competição profissional e criará uma oportunidade para que as pessoas se mantenham ligadas a formas de se unir a Strava para causar impacto.

Sobre o Autor