O que é corrida de aventura?

Texto: Wladimir Togumi

A corrida de aventura pode ser definida como um evento sem paradas obrigatórias, multi disciplinar, com a participação de equipes. Em alguns casos pode ser chamada de um expedição com horário limite. O objetivo da competição é ser a primeira equipe completa a cruzar a linha de chegada. Normalmente as equipes devem ser mistas, formadas por competidores masculinos e femininos.

As disciplinas mais comuns são a orientação, trekking, mountain bike, canoagem e técnicas verticais. Outras disciplinas já foram incluídas nas corridas como o patins in-line, para-quedismo, vela, corrida com camelos, costeira e cavalgada. Existem diferentes formatos e durações de eventos, indo dos triatlons off-road até expedições de 15 dias. O percurso leva os competidores através de locais remotos e selvagens onde devem ser auto-suficientes. Cada equipe deve ter uma boa estratégia para determinar a melhor rota, equipamento, comida e ritmo para vencer.

Ao longo do percurso são montados postos de controle (PC), que são locais de passagem obrigatória da equipe durante a corrida. Nestes PC’s os atletas registram sua passagem para confirmar que estão no caminho certo e para controle da organização sobre onde estão as equipes. Os PC’s são numerados e devem ser encontrados na ordem correta. Caso a equipe não encontre um dos postos de controle, estará automaticamente desclassificada.

Em alguns postos de controle determinados pela organização, as equipes trocam de modalidade e nesse caso são chamados também de área de transição (AT). Nesses locais os atletas terão contato com sua equipe de apoio (caso seja permitido) ou suas caixas de reabastecimento e é onde podem trocar de equipamentos e roupas e se alimentar melhor.